quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Eu amo-te e por todo sempre hei de lembrar

Que sonho lindo, que momento maravilhoso, você na janela, sorrindo de novo, dizendo-me que gostaria de perto estar, mas infelizmente o infinito não deixa e os vivos aqui devem sempre continuar, sofrendo e amando, para aprender cada vez mais, para futuramente contar tudo para o nosso pai.

E assim aqui vou vivendo, com dor e magoas, procurando recuperar, buscando soluções para me auto melhorar, mas, já nem sei ao certo o que fazer e assim eu afirmo, ao teu lado espero estar de novo, pois, o teu sorriso me fortalecia, os teus abraços e beijos me faziam sempre bem, me faziam ter olhos brilhantes e muito amor no coração.


E quando tento me desabafar, quando tento amar de novo, o mundo me impedi de sentir o tal sentimento e agora cansei, buscarei algo novo, sempre sozinho, amando-me primeiro para depois amar os outros.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Um momento só meu

Perdi-me em um mundo rotineiro, onde nada é diferente e quando tentamos mudar somos corrompidos pelos nossos próprios sentimentos de medo e culpa. Tentei compreender tantas coisas e a única cois a que conseguir entender é que nada foi feito para ser compreendido, mulheres e homens, buscam tanto se compreender que se perdem em suas próprias complexidades




A vida é tão infinita que na maioria das vezes esquecemos que não possuímos “asas” e com quais quer que seja o pequeno ferimento que possuimos, se não cuidarmos dele com muita atenção, entraremos em óbito espiritual e posteriormente corporal. Eu tento mudar-me constantemente, mas sou impedido sempre pelos meus sentimentos, sentimentos que na teoria me fazem o homem mais feliz do planeta, mas na pratica, com a complexidade de outros seres, me faz sempre perder, cair dos tantos vôos que faço com os meus sonhos. Esses sonhos, essas pessoas, onde estou? Como será de agora adiante, estou tentando parar de falar de meus sentimentos, mas, como consigo controlar a minha impulsividade e a transparência do meu coração!

Enjoei de ser essa pessoa frágil e dependente, que precisa doar e receber o “amor”. Estou á caminho de descobrir os métodos de cicatrizar os tantos ferimentos que possuo, pois, já estou em estado de deter os meus sentimentos amorosos e eu sei, sem o amor não crescemos, por isto estou desejando tanto um momento só meu.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Não existem explicações!

Mas uma vez esta professora que costumo chamar de “vida”, mostrou-me que os meus sonhos são fora do comum, que sou único e assim devo sempre continuar, que os meus princípios básicos de viver, devo sempre estruturar, sempre com cabeça erguida, buscando sempre conquistá-los.

Como nos dias anteriores, desde que nasci, muitos sonhos foram alterados, e eu sei, este será mais um deles, modificar-me-ei tornando sempre mais forte, cauteloso e pacifico, pois, acredito que á paz traz paz e assim sempre vou continuar, sem desejar mal algum, meus sonhos irei sempre modificar, tornando-me naquele homem que todos procuraram se espelhar.

E assim encerro este texto, acreditando que será o ultimo do ano de 2010, me ausentarei, buscando conforto de espírito e sentimento, onde, procurei aproveitar as férias que me foram concedidas.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

O que sinto não é só amizade.

Aos vinte de dezembro de dois mil e dez, comecei a planejar o meu ano de dois mil e onze, onde, tentarei superar os meus medos, as minhas covardia, pois, só atrapalham a minha convivência, simplesmente atrapalham-me todo dia.

Hoje mandei um e-mail para a minha amada, ainda não recebi respostas, mas, foi difícil e eu sei, deveria ter falado isto pessoalmente, mas infelizmente, como sempre, vou evoluindo aos poucos, nunca faço as coisas com pressa, e assim, estou aqui, apostando tudo de uma forma lenta e pacifica, para futuramente não vim às conseqüências de fazer tudo sem pensar.

Talvez irei perder uma grande amiga, simplesmente por não saber lidar comigo mesmo, mas, eu tinha que falar o que eu sinto, mesmo por textos, eu tinha que me declarar, dizer que tudo o que sinto não é só amizade.