Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2012

O bom futuro que nos aguarda

Tu és minha inspiração, minha alegria resumida em refrão musical. Não consigo distinguir qual tempo é de fato o melhor, afinal, meu passado contigo promoveu muitas sabedorias referentes a quem sou e quem tenho que ser atualmente.
O presente é tão interessante quanto às literaturas de amor que promovem união e cuidados referentes à atração de duas pessoas. Pois através deste presente, brigamos e logo reconhecemos o quanto é bom vivermos juntos, tanto nos momentos difíceis quanto nos fáceis. 
O futuro? Ah, é improvável que eu consiga descrevê-lo, afinal, não sei como vai ser o decorrer do mesmo. Mas posso adiantar algumas coisas, principalmente as que estão referentes a nós e ao nosso amor. Se continuarmos acreditando em nossos sentimentos, promovendo-o com muita paciência e bondade assim como de uma forma não intencional estamos fazendo, sem duvida alguma, conhecermos o bom futuro que nos aguarda. Amo-te!

Minha fonte de sorrisos

Flor, minha querida flor... Rego-te todos os dias, Com o proposito de amenizar a minha dor.
Lembro-me, como foi especial Quando lembranças não estavam Em meu diário e tudo era muito legal.
Lagrimas não escorriam. O vento sempre permanecia, Levando meus pensamentos Pra longe de todo mal.
Agora te rego para não morreres, Pois já foste motivo de alegria Para a pessoa que eu descrevia Como minha maior fonte de sorrisos.

Jamais me cansarei de você

Como é bom senti-la entre meus braços... Acordar contigo do meu lado, ver que apesar de tantos problemas, tenho motivos como tu para estar continuando a acreditar no amor. Pois tu és o amor... o amor da minha vida, aquele que me da inspiração de continuar os meus passos, de superar os meus medos e dar sequencias em minhas qualidades.
Você é tão presente em minha vida, que não canso de ver suas fotos, de cheirar suas roupas em sua ausência, de lembrar-se de sua voz quando me sinto solitário, do seu corpo transbordando carinhos entre o meu corpo quando não posso ter nada a não serem lembranças, ou seja, de tudo referente a esta magnifica pessoa que és você.
Estou pensando em ti tanto de dia quanto de noite, e nada fará com quê eu pare de ficar assim, pois de principio amo estar meditando entre nossas lembranças, e segundo quê os meus pensamentos são só meus e deles faço o que eu bem quiser, e é por isto que posso concluir que estarei a te levar para aonde quer que eu vá.

Mais teimosa que uma mula sem cabeça

Eu amo você de uma forma que não sei explicar... e o que tenho a falar das nossas birras? – Ah, são piores do que as crianças costumam ter. Nossas brigas têm sentindo, mas geralmente não possuem fundamentos o suficiente para prosseguirem.
Eu amo você, e já não possuo o controle de ter ou não este sentimento no meu peito. Sofro, choro, sorrio e vivo feliz do teu lado, só do teu lado. Você é repleta de defeitos, sim, tanto quanto eu. Você é mais teimosa que uma mula... e esta mula nesta descrição tem que ser sem cabeça, pois em todas as vezes que tu teimas, parece-me que perde a cabeça, e deixa de lembrar o que fiz e faço para te ver feliz.
E por isto que quero que memorize uma coisa... levar-te-ei para onde quer que estejas... pois nunca estará á controlar os meus pensamentos, e nos meus pensamentos, ah, através deles eu te levo para todos os lugares que vou e estarei a ir!

Deixe Deus falar contigo também

Confesso que estou preocupado em questão a nós, não por mim, não por ti, mas sem deixar de nos colocar no assunto, podemos sim ser influenciados por terceiros e colocar tudo a perder o que nestes últimos 13 meses construímos.             Confirmo, sou muito medroso, pois em situações assim, me sinto distante de ti. Como dito varias e varias vezes, não curto “ficar” e nem tão pouco “namorar por namorar”, gosto de investir em uma pessoa, gosto de ver ambos crescendo, gosto e faço de tudo para ambos vivermos felizes. Sei que tu sabe disto, sei porque independentemente das magoas existirem, sempre propus e pratiquei a verdade em nossos diálogos.             E como você mesmo sabe, gosto de escrever, e isto é apenas um desabafo textual, pois nossa, enquanto os meus dedos deslizam pelo teclado, vejo Deus falando com o meu subconsciente e ele sempre me fala: - Tenho planos pra ti. Tenho planos contigo, sejas forte e continue rumo a concretiza-los. E é por isto que estou a lhe pedi…

Você é o meu lado oposto que tanto preciso

Sabemos a complexidade de um relacionamento, é difícil de manter um. Muitas diferenças existem entre nós, muitos sonhos são opostos e na maioria das vezes temos que abandona-los para enfim, escolher apenas um.             Sei que em varias vezes a cama nos serviu como confidente e em momentos antes de dormirmos, perguntamos a Deus porquê de tudo estar indo rumo á momentos ruins. Por que somos tão diferentes? Por que optamos por viver a vida de formas opostas... eu mais caseiramente e tu tão apaixonada por aventuras passageiras.             A vida sempre me demonstrou que tudo é passageiro... que as alegrias passam, que as magoas são esquecidas, que os ferimentos são cicatrizados, mas nunca me ensinou o quanto é difícil esquecer alguém pelo qual somos completamente apaixonado.             Confesso-te, já tive varias e varias vontades de jogar este relacionamento pro alto... de voltar a viver a minha vida isoladamente como costumava viver, mas não, não consigo viver longe de ti. Não…

Gosto de escrever para depois poder me interpretar

Eu gosto muito de escrever. Não sei com quem aprendi e nem sei o porquê das tantas vezes em que nem assunto tenho, mas me encontro diante a um papel e lá estou, insistindo para que as letras se tornem vivas e por fim, comecem a descrever o que estou a sentir.
            É inevitável, elas sempre estarão a relatar o quanto estou alegre ou triste, e sempre demonstraram, mesmo que seja de uma forma curta e quase oculta, os meus problemas e superações e é entre esta escrita, que percebo o quanto gosto de escrever para depois poder me interpretar. - O que esta acontecendo comigo ah, as respostas vão surgindo com o tempo, quando sento diante ao meu diário, revejo a dança das palavras, sim, elas estão muito felizes ao perceberem o quanto cresci, o quanto atualmente não choro mais por aquele atual sentimento, e principalmente, por estar a contemplar todos os ensinamentos que eu mesmo, diante das minhas doces descrições, estive a me repassar e consequentemente aprender.
         …