Coisas que odeio: Viver sem saber o como se vive!


Acredito que todos passam por momentos que se vêem perguntas deste gênero: “Como se vive?”, como que seguirei daqui pra frente?, serei feliz algum dia?, entre outras! – A resposta não existe e jamais irá existir. O que acontece é que somos bons o suficiente para sermos cegos, mudos, paralíticos, e, contudo mais sem perder os desejos, sonhos e determinações de melhorar e sempre conquistar as coisas. 

É difícil e sinceramente uma das coisas que eu odeio é “viver sem saber o como se vive”, mas, tem coisas que no decorrer do tempo, acabamos aceitando-as e uma das coisas que estou começando a aceitar é que errar é humano e que se apaixonar é um encantamento que poucos são vitimas e poucos são criadores do mesmo.

O tempo é o dicionário em branco que todos nós devemos carregar para onde quer que vamos. Através dele, fazemo-nos como alicerces da própria evolução e até mesmo da sociedade que nos cerca. Não devemos esquecer que é impossível saber tudo e só por este motivo, devemos de fato aceitar que viveremos eternamente sem saber o como se vive!

Postagens mais visitadas deste blog

As partes que eu mais gostei do livro "O homem mais inteligente da Historia" - Augusto Cury

Ganhei uma cozinha Itatiaia mais dez mil reais da vivo (GOLPE)

EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO (INFORMÁTICA BÁSICA)